Publicado por: revistainternacionaldoconhecimento | 30/09/2010

POEMA – Lágrima, por Diva Peres Annunciação

 

Lágrima

Diva Peres Annunciação.

 

Vives em meus olhos e afloras

Com ou sem motivos, não importa

Te fazes presente e choras

A lágrima amiga que conforta

 

Meus olhos te buscam onde estejas

Te espelhas sempre em meu coração

Se alegre, marejas:tristonho,gotejas

Te antecipas se a Deus faço oração

 

Qual água transparente

Que simboliza a vida

E mantém o ser vivente,

És o escape, mesmo reprimida

 

Talvez já foste exaltada por poeta

Recrutando-te como a sentinela

De um portal em permanente alerta

Estimulada pela ocasião até singela

 

Quando rio ou quando choro

Preciso da tua presença

Como nata–chorona te adoro!

Choro lágrimas de crença

 

Amanhã, se contigo não conviver

Não haverá razão para sentimento

Nem eu mesma irei me reconhecer

Pois terás morrido no pensamento.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: